Os profissionais da saúde e a SulAmérica

Aproveite esse momento para se reinventar e descobrir
novas formas de se conectar com as pessoas.

E para reduzir o contágio pelo novo coronavírus e cuidar ainda melhor dos nossos beneficiários, ampliamos nossos serviços no App.

Agora você pode avaliar sua saúde, por meio de uma primeira verificação, sem caráter de diagnóstico, tirar dúvidas e ter orientações médicas por vídeo, verificando o risco de ter contraído o coronavírus. E além disso você conta com uma Central Exclusiva de Orientações sobre o coronavírus.

Confira nosso vídeo exclusivo sobre o atendimento SulAmérica Saúde.

Serviços de apoio aos nossos beneficiários

Serviços de apoio aos nossos beneficiários

Nosso compromisso é com a saúde, por isso disponibilizamos canais
de suporte aos beneficiários, neste momento de contenção do coronavírus.

Avaliação de Saúde COVID-19
Nós, da SulAmérica, estamos com você para combater o coronavírus e sabemos que a prevenção começa com a informação. Faça uma Avaliação de Saúde COVID-19, online, rápida e veja se há probabilidade de estar contaminado.
Comece agora
Terapia por Vídeoconferência
Terapeutas - Com o pedido médico em mãos, você terá um acompanhamento via videoconferência com Psicólogos, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos e Terapeutas Ocupacionais.
Saiba Mais
Aplicativo SulAmérica Saúde e Odonto
Conte com canais exclusivos de atendimento.
Baixe agora.
Central de Orientações sobre o coronavírus
Tire todas as duvidas com profissionais qualificados
11 3003 5400 | 0800 591 0845 - Para beneficiários Saúde
11 3003 1159 | 0800 729 1159 - Para beneficiários Odonto
Médico na Tela

Tele orientação Ilimitada - Os beneficiários terão acesso a um médico que poderá ser acessado das 7h às 23h de segunda a domingo, inclusive feriados, para o esclarecimento de dúvidas e sintomas simples.

Tele consulta - Os beneficiários terão acesso a uma parte da rede de prestadores SulAmérica, que poderá ser acessada com agendamento prévio, para a realização de uma consulta com o médico desejado.

Todos esses cuidados são para que você conte com a mesma qualidade de atendimento e com a segurança de poder ficar em casa.
Vídeos

Assista abaixo a todos os vídeos da campanha

Confira algumas matérias com orientações sobre o coronavírus.

Confira algumas matérias com
orientações sobre o coronavírus.

Baixe o aplicativo

Baixe o aplicativo e tenha acesso
aos serviços exclusivos

Médico na Tela, Teleconsulta, Psicólogo na Tela, Orientação Médica Telefônica, Avaliação de Saúde COVID-19. Além de busca de médicos, hospitais e laboratórios com geolocalização (rede referenciada) e muito mais.

Baixe o aplicativo odonto

Baixe o aplicativo e tenha
acesso aos serviços

Avaliação de Saúde Covid-19, Medicamento com descontos, Rede de Farmácias, Acompanhamento e Solicitações de Reembolso e muito mais

Sobre o codiv-19

Sobre a COVID-19

O que é?

Coronavírus é uma família viral que causa doenças em animais e humanos, a COVID-19. Em pessoas, resulta em infecções respiratórias que variam de um resfriado comum a problemas mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS).

Veja o material completo
Guias e materiais compartilháveis

Guias e materiais compartilháveis

Existem cuidados específicos para diferentes pessoas e necessidades. Aqui, você encontra uma série de conteúdos que podem ser úteis para você ou alguém que conheça nesse momento. Acesse e compartilhe à vontade.

faq

FAQ

No combate ao coronavírus, a prevenção começa com informação. Por isso, especialistas da SulAmérica responderam as principais dúvidas sobre o assunto. Entenda mais sobre a COVID-19 aqui, veja as medidas de prevenção.

Perguntas frequentes

Coronavírus é uma família de vírus que causam doenças em animais e em humanos. Em humanos, causam infecções respiratórias que variam de um resfriado comum a doenças mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS). Um novo agente do coronavírus foi descoberto em 31 de dezembro do ano passado, com casos registrados na China. Esse novo agente provoca a doença chamada COVID-19.

COVID resulta da junção das palavras “Corona”, “Vírus” e “Disease (Doença)” e é o nome dado a doença infecciosa causada pela nova cepa do coronavírus (SARS-COV-2). O 19 é porque foi descoberta em dezembro de 2019.

As características clínicas não são específicas, podem ser similares àquelas causadas por outros vírus respiratórios e se apresentam como:
  • Febre (sintoma muito frequente);
  • Mal-estar;
  • Tosse;
  • Coriza;
  • Falta de ar;
  • Dor de cabeça (pode ocorrer, mas dificilmente isolada);
  • Diarreia (pode ocorrer no início do quadro);
Sinal de alerta: Fique atento à piora dos sintomas respiratórios, esse é um sinal de alerta importante, principalmente, por volta do quinto dia.

A pessoa deve suspeitar de infeccção pelo coronavírus quando apresentar febre acima de 37,8° C e/ou pelo menos um dos seguintes sintomas respiratórios: tosse, dificuldade para respirar, produção de escarro, congestão nasal ou conjuntival, dificuldade para deglutir, dor de garganta, coriza, dispneia (falta de ar), sinais de cianose (arroxeado nas extremidades, como ponta das orelhas, nariz ou dedos), batimento de asa de nariz, tiragem intercostal (afundamento das costelas por conta do esforço respiratório).

A principal teoria é que o SARS Cov 2 tenha se originado de animais silvestres comercializados no mercado de alimentos em Wuhan, na China. A manipulação destes animais por seres humanos (morcegos, por exemplo) seria a forma de contaminação. Os cientistas buscam descobrir em qual etapa o novo vírus teria desenvolvido suas características próprias. Ainda não se sabe se isso ocorreu quando estava hospedado no animal ou somente após ter contaminado os humanos.

A estimativa é de que a epidemia dure de 3 a 4 meses. O tempo de distanciamento social vai depender da efetividade da medida. É necessário que se estabilize o número de casos e comece a ocorrer decréscimo para se pensar em interrupção.
Não há como prever. Esta conduta vai depender de inúmeras variáveis, que só poderão ser analisadas na hora certa.
A tendência da epidemia é ir diminuindo com o passar do tempo. Á medida que a população vai tendo contato com o vírus, ela vai ficando imunizada. Não há previsão de criação de uma vacina em curto ou médio prazos.

Não encontrou o que procura?

Veja todas as perguntas

Novo CORONAVÍRUS

Estar bem informado também ajuda na prevenção.

SAC: 0800-722-0504 | Ouvidoria: clique aqui

Siga-nos e acompanhe informações atualizadas sobre o COVID-19.